11/01/2017 17:25

STF nega liminar a homem que agrediu esposa e segurança

Vídeo com agressões teve grande repercussão nas redes sociais

Edvânia Nayara sofreu escoriações (Foto: Reprodução/ Facebook)

Edvânia Nayara sofreu escoriações (Foto: Reprodução/ Facebook)

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou liminar ao comerciante preso por agredir em flagrante a própria mulher e a segurança Edvânia Nayara Ferreira Rezende em Três Corações, no sul de Minas Gerais.

Luiz Felipe Neder Silva foi preso no dia 18 de dezembro. A defesa dele, no pedido ao STJ, alegou que a prisão foi convertida em preventiva sem os requisitos necessários. O argumento não foi aceito pela ministra Laurita Vaz.

À época da agressão, as imagens, que mostram o comerciante dando chutes e socos na segurança do clube, circularam pela internet e causaram revolta.

Ele também quebrou dois dentes de um homem que tentou ajudar a segurança e ameaçou as vítimas com um canivete.

Luiz Felipe, de 34 anos, está em um presídio da região metropolitana de Belo Horizonte.

Band, com informações da Bandnews FM