05/01/2017 12:23

Suspeitos são mortos após tortura e assassinato de filho de PM

 Os suspeitos de assassinar Guilherme Sela de 16 anos foram mortos em um confronto com a Polícia Militar em Umuarama na manhã desta quinta-feira (05). A equipe da PM encontrou os dois homens em um matagal próximo ao parque de exposições. Segundo informações preliminares, eles não obedeceram a ordem de parada dos policiais. Houve troca de tiros e os dois, que pareciam ser adolescentes, morreram. Os nomes  dos rapazes ainda não foram divulgados. Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Umuarama.
Um terceiro envolvido no crime foi preso na noite de quarta (04) ao tentar entrar no Parque de Exposições da cidade. O mesmo tem 19 anos e já tinha passagens pela polícia pelo crime de homicídio.
Latrocínio

Guilherme Sela de 16 anos, filho de um Policial Militar (PM), foi morto por volta das 23h depois de um latrocínio. O garoto estava sozinho em casa quando três indivíduos invadiram a residência, levaram objetos e fugiram em um Corolla, carro da família do menino assassinado. Os criminosos acabaram batendo o Corolla em um outro veículo na PR-323 em frente ao parque de Exposições de Umuarama.

A PM não tinha conhecimento sobre o sequestro de Guilherme Sela. A mãe do menino que está nas praias de Santa Catarina postou nas redes sociais que o filho estava desaparecido. Fo então que o Serviço de Inteligência foi até a casa e a encontrou toda revirada. Depois de buscas na região, o menor foi encontrado morto com sinais de tortura.

O PM, pai do menino, estava trabalhando em outra cidade.

As fotos abaixo são do Portal OBemdito e mostram o local onde os suspeitos foram mortos:

Foto: Portal OBemdito

Foto: Portal OBemdito

Foto: Portal OBemdito

Foto: Portal OBemdito

Foto: Portal OBemdito

Foto: Portal OBemdito